Praias e Natureza
Tanzânia: dos safaris às praias
Jambo! Entre o Quénia e Moçambique, a Tanzânia é um dos países mais visitados na África oriental. Das paisagens icónicas do Kilimanjaro e da Grande Migração de gnus, zebras e antílopes, até aos trajes garridos dos Masai sem nunca esquecer a paradisíaca ilha de Zanzibar, este país tem realmente tudo para quem sempre quis conhecer a natureza africana no seu estado mais grandioso!
Serengeti

A Tanzânia tem perto de 20 parques naturais e zonas protegidas, cada um mais impressionante que o outro. Gombe, por exemplo, é famosa pelo trabalho pioneiro de Jane Godall, Masai Mara pelos elefantes. O Serengeti porém, é um parque clássico para uma primeira visita - leões, leopardos, elefantes e rinocerontes esperam a sua visita. As míticas passagens de rio das espécies migratórias ocorrem normalmente nos meses de junho e/ou julho.
Ngorongoro

Chamam-lhe "Arca de Noé" ou "jardim do Éden", tudo para passar a ideia da extraordinária riqueza da fauna e flora desta zona da Tanzânia. Ngorongoro é uma enorme cratera de vulcão (extinto), uma das maiores do mundo. Serve de refúgio a milhares de animais que aqui vivem protegidos pelo estatuto de conservação do parque. Embora Ngorongoro seja lindíssimo todo o ano, de junho a setembro a cobertura vegetal mais esparsa, facilita a observação da fauna.
Kilimanjaro

Se planeia mesmo escalar os 5895 metros até pico Uhuru, saiba que deve contar com cerca de 5 ou 6 dias para o fazer, mas também que deve estar em excelente condição física para tentar a ascensão à mais famosa montanha africana, aquela que coloca a Tanzânia no mapa dos aficionados de escalada. Mesmo que o veja apenas ao fundo, como cenário das belas fotos que irá, pela certa, tirar na zona, esta é uma imagem inesquecível.
Zanzibar

Ilhas das Especiarias. Só o nome já nos transporta para o mundo exótico do arquipélago de Zanzibar, com o seu aroma inebriante, as suas praias intocadas e o seu mar azul-turquesa. Para se aclimatar a esta cultura bem diferente do resto da Tanzânia (nas ilhas a população é maioritariamente muçulmana) chegue no ferry a partir da fascinante Dar Es Salaam. E não se esqueça: se o objectivo for mergulho, a vizinha Pemba é uma alternativa muito interessante! Os meses de chuva são, habitualmente, março, abril e maio.
Cultura Masai

É uma das etnias mais instantaneamente reconhecíveis do continente africano. Com as suas túnicas escarlates e adornos de coloridas contas, os Masai são parte integrante da cultura da Tanzânia, ainda que hoje se estime que apenas se instalaram no país a partir do século XIX. O modo de vida assente nos princípios do guerreiro está na base da relação dos Masai com a paisagem que os rodeia e visitar uma das suas aldeias - hoje que o seu modo de vida tradicional está cada vez mais em perigo - é algo de precioso, que nenhum visitante ao país deve perder.